arte & poesia


MÚSICA

memória

 

Raphael Rabello

 

Tocata em ritmo de Samba

 

Site: Raphael Rabello

http://www.mpbnet.com.br/musicos/raphael.rabello/



 Escrito por jucier às 22h21
[   ] [ envie esta mensagem ]




 MÚSICA

Ney Matogrosso

 

Touradas em Madrid

(Alberto Ribeiro e João de Barro)


Eu fui as touradas em Madri
Para tim bum, bum, bum
Para tim bum, bum, bum
E quase não volto mais aqui
Para ver Peri beijar Ceci
Para tim bum, bum, bum
Para tim bum, bum, bum

Eu conheci uma espanhola natural da Catalunha
Queria que eu tocasse castanhola
E pegasse o touro à unha
Caramba, caracoles, sou do samba
Não me amoles
Pro Brasil eu vou fugir
Que é isso é conversa mole para boi dormir
Para tim bum, bum, bum
Para tim bum, bum, bum

 

 

Ney Matogrosso - Óleo sobre tela, Siron Franco

Sempre quis fazer uma homenagem ao Ney e nao sabia como. A ideia era achar uma musica que pudesse representar a sua arte e danca, e ao mesmo tempo, que nao fosse tao conhecida. (coisas do Jucier). Encher esse blog de textos, não seria minha idéia principal, mesmo porque pra fazer um resumo de vida, ia ter muito assunto. Para saber mais, indico o site do cantor (abaixo)... é mais completo. Então escolhi "Touradas em Madri" e a pintura de Siron Franco (http://www2.uol.com.br/sironfranco/), outro grande artista que em breve estarei homenajeando-o também por aqui. Ouçam a música, deliciem-se... e abram os braços para a liberdade... 

 

Site ney Natogrosso: http://www2.uol.com.br/neymatogrosso/

 

 



 Escrito por jucier às 22h21
[   ] [ envie esta mensagem ]




 POESIA

Humberto de Campos

 

 

O Bôto

 

Eis uma alma penada: é a triste embiara

De um pagé poderoso e vingativo,

Que a um mísero caboclo condenava

A morar dentro dágua, enquanto vivo

 

Nunca, pois, o persigas. Como a iara

Ele mal não te faz. Jamais cativo

Procures te-lo: que ele, em noite clara,

Volta a ser homem timorato e esquivo

 

Olha que mansidão, à tarde, quando

Passa, de dorso à tona, pela esteira

Da água serena do estirão, bofando...

 

E’ que a lua deseja, e que as mandingas

Cesses, para que volte, quieto, à beira,

E, homem, possa dormir entre as aningas...

 

 

 



 Escrito por jucier às 20h36
[   ] [ envie esta mensagem ]




MÚSICA

Antonio Nobrega

 

 Dias 22,23 e 24/10 no Sesc Pinheiros
 
A indicação de hoje é o show deste grande artista pernambucano que tanto me influenciou para o conhecimento de nossas raízes culturais. Assistí vários shows do Nóbrega e cada apresentação é uma emoção diferente. Tive o privilégio de bater um papo com Nóbrega no show "na pancada do ganzá", onde ficou surpreso quando disse que tinha o cd sete flexas e alguns LPs do Quinteto Armorial. Nóbrega é carismático, simples, humilde e profissional. A magia de seus shows envolve todos e não tem coisa melhor do que no final de seus espetáculos ter a oportunidade de daçar uma ciranda. Para mim, Nóbrega é um grande patrimônio humano e cultural a quem só posso deixar meu carinho e admiração por esse ser brilhante.  
 
 
Apresento aqui um pouco do trabalho do Nóbrega e espero que possam assistir 
    
Músico, ator, dançarino...Esse multiartista pernambucano, que hoje mora em São Paulo, tem muita história pra contar. Escolheu que queria ser artista quando ainda era uma criança e, antes da maioridade, já integrava o quadro de duas orquestras. Há 27 anos fazendo teatro, ele contabiliza 15 espetáculos em sua carreira. Cinco dessas peças ganharam trilha sonora original e tiveram CDs gravados. Nóbrega é um artista premiado e internacionamente conhecido.
 
  Ariano Suassuna
 
Sua carreira musical começou ainda na infância. Violinista desde menino, antes dos 20 anos Antonio Nóbrega já participava da Orquestra de Câmara da Paraíba e da Orquestra Sinfônica do Recife. Aceitou o convite de Ariano Suassuna e passou a integrar, como instrumentista e compositor, o Quinteto Armorial - o mais importante grupo a criar uma música de câmara erudita brasileira de raízes populares.
 
    
 
A partir do ano de 1976 ele começou a desenvolver um estilo próprio de concepção em artes cênicas, dança e música. Apresentou, a partir de então, os espetáculos "A Bandeira do Divino", "A Arte da Cantoria", "Maracatu Misterioso", "Mateus Presepeiro", "O Reino do Meio-Dia", "Figural", "Brincante", "Segundas Histórias" e "Na Pancada do Ganzá"o qual teve grande sucesso no Brasil e exterior, com prêmios como "Shell", "APCA" e "Mambembe". No ano seguinte, ele lançou o espetáculo, acompanhado do CD homônimo, "Madeira que Cupim não Rói" e viajou com a peça por diversas capitais brasileiras. Em 98 apresentou o espetáculo "Pernambuco Falando para o Mundo" novamente acompanhado de CD.
 
" A cultura popular carrega uma missão na cultura do mundo que agente ainda não foi capaz de ver" - " Todo mundo devia ter um pandeiro" - Antônio Nóbrega
 
 
Acesse o teatro brincante : http://www.teatrobrincante.com.br/
Pagina Oficial Nobrega :     http://www.antonionobrega.com.br
 
 
Discografia 
 
 
 
 
 


 Escrito por jucier às 12h39
[   ] [ envie esta mensagem ]




MÚSICA

 

Pablo Milanés

 

Yo pisaré las calles nuevamente

Yo pisaré las calles nuevamente
de lo que fue Santiago ensangrentada
y en una hermosa plaza liberada
me detendré a llorar por los ausentes.

Yo vendré del desierto calcinante
y saldré de los bosques y los lagos
y evocaré en un cerro de Santiago
a mis hermanos que murieron antes.

Yo unido al que hizo mucho y poco
al que quiere la patria liberada
dispararé de las primeras balas
más temprano que tarde sin reposo
retornarán los libros las canciones
que quemaron las manos asesinas
renacerá mi pueblo de su ruina
y pagarán su culpa los traidores.

Un niño jugará en una alameda
y cantará con sus amigos nuevos
y ese canto será el canto del suelo
a una vida segada en La Moneda.

Yo pisaré las calles nuevamente
de lo que fue Santiago ensangrentada
y en una hermosa plaza liberada
me detendré a llorar por los ausentes.

 

 

Musica Cubana para vocês apreciarem. Adoro ouvir e tocá-la... Pablo Milanés e Mercedes Sosa abriram caminho para que a musica tradicional cubana e a musica latina entrasse em minha vida, depois vieram Atahualpa Yupanqui, Tarancón, Raices de América, Violeta Parra, Silvio Rodriguez, Buena Vista Social Club, entre outros nomes importantes... Mas hoje destaco essa canção que representa uma grande força e sentimento de um povo que apenas lutou pela sua liberdade. 

 

 Yo pisaré las calles nuevamente

 

 



 Escrito por jucier às 20h37
[   ] [ envie esta mensagem ]




CURTA-METRAGEM

Som da Rua - Maracatu Estrela Brilhante

 

 

Olá amigos, neste mês Antônio Nóbrega estará se apresentando no Sesc Pinheiros. Nóbrega é um grande pesquisador, ator, musico e dancarino. Estou preparando uma homenagem a esse grande artista que tanto têm levantado a bandeira da nossa cultura popular. E para entrar no clima apresento hoje esse curta-metragem para que vocês possam conhecer um pouco mais sobre o Maracatú.  Aguardem que logo estarei postando o especial e dando as dicas do show... abçs 

 

Sobre o curta

Olga Santana Batista lidera o Maracatu Estrela Brilhante, é a representante atual de uma linhagem de líderes de maracatus. D. Olga começou a brincar com dez anos de idade na função de rainha. Também com o pai brincava o Cavalo Marinho e o Fandango. Com a morte do pai, o maracatu foi encerrado. Passou vários anos sem sair. Mas com o apoio de autoridades e comerciantes locais, o Maracatu Estrela Brilhante voltou às ruas. A base é a família de D. Olga. Os ensaios começam em 7 de setembro, exatamente como seu pai fazia. No São João, saem com o coco, o samba, e o banho, tido como o "batismo" de São João que vara a madrugada.

 

Som da Rua - Maracatu Estrela Brilhante  

Gênero Documentário

Diretor Roberto Berliner

Ano 1997

Duração 3 min

Cor Colorido

Bitola 16mm

País Brasil

 

 

 



 Escrito por jucier às 15h38
[   ] [ envie esta mensagem ]




TEATRO

Sabenças – Raízes Africanas da Alma Brasileira


 

Até 30/10 - Sesc Pinheiros

 

Olá turma, para quem vai ficar por Sampa no feriadão, taí uma boa dica: Em Sabenças, o espírito africano é apresentado sob diferentes aspectos por meio da narração de contos, música e dança, que realizam os elos entre as histórias contadas. Partindo da África livre e passando por contos afro-brasileiros, lendas e contos populares, uma dançarina representa sucessivamente a liberdade, o sagrado, a alegria, o humor, o peso da escravidão, a beleza e também a ama de leite, que teve a função de preservar e transmitir a tradição oral. Cada história escolhida está relacionada com esses aspectos do espírito africano que se manifestam na cultura brasileira, e cada música passeia pelas histórias, ora como cânticos de candomblé, ora como cantos de trabalho escravos, cantigas de dormir, hinos de luta e outros exemplos do cancioneiro popular. Concepção e direção Regina Machado. Com o Grupo Pé de Palavra. No Auditório. 100 lugares. Retirada de ingressos com uma hora de antecedência. Grátis

Sábado e domingo, 16h. Exceto dias 3 e 31.
SESC Pinheiros - Av.Rebouças, 2876 - infos(11)3815-3999 - SP.

 


 



 Escrito por jucier às 23h07
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]




 
Meu perfil
BRASIL, Sudeste, OSASCO, Homem, de 26 a 35 anos, Arte e cultura, Música
Histórico
  01/12/2005 a 31/12/2005
  01/10/2005 a 31/10/2005
  01/09/2005 a 30/09/2005
  01/08/2005 a 31/08/2005
  01/07/2005 a 31/07/2005
  01/06/2005 a 30/06/2005
  01/05/2005 a 31/05/2005
  01/04/2005 a 30/04/2005
  01/03/2005 a 31/03/2005
  01/02/2005 a 28/02/2005
  01/01/2005 a 31/01/2005
  01/12/2004 a 31/12/2004
  01/11/2004 a 30/11/2004
  01/10/2004 a 31/10/2004
  01/09/2004 a 30/09/2004
  01/08/2004 a 31/08/2004
  01/07/2004 a 31/07/2004
  01/05/2004 a 31/05/2004
  01/04/2004 a 30/04/2004
  01/03/2004 a 31/03/2004


Outros sites
  Antonio Nobrega
  Centro Cultural SP
  Cifras latinas
  Dica de teatro
  ECA - USP
  Fraternal Cia Malas Artes
  Itau cultural
  Jornal Poesia
  Jornal da USP
  MAM
  Memorial
  Metropolis
  MIS
  Porta Curtas
  Provocacoes
  Revista Bravo
  Revista Caros Amigos
  Teatro Brincante
  Teatro Oficina
  Viajando na Poesia
  ___________________
  BLOGS CULTURAIS
  Adriana Zapparoli
  A história de nós dois (e o resto)
  Arteiros de Plantão
  Caderno
  Espaço Livre
  Giramundo Girassol
  Lendo e sonhando
  Momentos de Angel Kiara
  Nóis do Teatro
  Nothing Stays the same
  Poesia da noite e do dia
  Projeto Postal
  Ranchinho da Poesia
  Terra e Fogo
  Uns versos quaisquer
  Viva a vida
  Xilo & Cia
  ___________________
  AO VIVO
  Rádio Cultura AM - SP
  Radio Cultura FM - Argentina
  Radio Galicia
  Radio MEC AM
  Rádio MEC FM
  Rádio USP FM
  Rádio UNESP FM
  TV Cubana
  TV Cultura
  TVE
  TV Galicia
  TV Telesur
  TV Universitária
  TV Chile UCV
  TV Universidad - México
  Alma de Poesia
Votação
  Dê uma nota para meu blog



O que é isto?